quarta-feira, 23 de dezembro de 2015

Cartão Natalino

O Rei está Chegando... e o Ano Novo Também !





Estamos a dois dias do Natal. Fiz um cartão com um dos carimbos da Maria Emília para participar do Desafio # 009 do site Mari Digis.
Claro que aproveitei para reciclar as fitas e os retalhos de papéis. No título, quase doce, fita banana. E um big laço de fita.


   
Dedico este cartão a todos meus amigos e amigas que acompanham o meu blog. Que cada uma das alegrias nos festejos do nascimento de Jesus sejam acompanhados de muitas bençãos ao longo do ano que virá. Boas Festas!

quinta-feira, 26 de novembro de 2015

Planejamento do Advento

Brilha no céu a estrela do Menino Deus ...

...e eu ouvindo o tic-tac das horas a me apressar.
Já acabou o tempo litúrgico para nós católicos  e estamos a espera d'Aquele que há de vir no Natal: o Menino Jesus.
Arruma-se a casa, limpinha pro bebê. Montamos o presépio com personagens significativos e luzes coloridas. Os preparativos do tempo do Advento.


Minhas amigas estão confeccionando planners no grupo da rede social. Fiquei pensando: para mim  planejar esta época não é bem como fazem por lá... 
A ceia de nossa família é num lugar bem grande. Nunca sei quais pessoas conseguirão vir, estar e receber presentes. E a maior troca de votos e felicidades acontece depois das missas (porque são três as missas do Natal: a Vigília da véspera; a dos pastores, pela manhã, e a do dia de Natal). Os pães saem quentinhos do forno. E um peru, uma leitoa, um peixão ou o que a Providência mandar é partilhado depois da ação de Graças. Quem estiver na escala é que cozinha. A distribuição da louça, dos azevinhos e cabelos de anjo também é mais ou menos assim. Quem estiver na casa ajuda. 
Material de costura; papel de presente; papel artesanal
feito em casa e restos de bijuterias


Sim, nosso Natal é uma festa grande e solene.

 
Mas no advento eu tenho que me preocupar com outra coisa , ou seja, com a Novena de Natal. 
Em cada um dos encontros a que me proponho participar com amigos, familiares ou vizinhos ,vou preparando meu coração. Com zelo, alegria e prontidão. 

E faço esses 'caderninhos' para anotar tudo o que preciso prever ou organizar para não perder um único dia até o dia 24. E depois, durante o ano, lembrar as valiosas reflexões feitas.







contracapa com marcador
de páginas e datas dos encontros

Faço de modo artesanal e tudo dependerá do grupo de participantes.  Se teremos condições de comprar o livrinho com as orações e algumas dinâmicas para a celebração. Ou se teremos alguma liderança capaz de orientar as atividades.
Para mostrar na comunidade dos que creem que o mais importante são as leituras, as meditações e propósitos que afastem do pecado, não se deve fazer nada suntuoso.


Primeira página com imagem
ilustrando as reflexões













A simplicidade, o uso de coisas adquiridas com donativos e empréstimos e o 'fazer alguma coisa junto ' em geral prevalece sobre as leis do consumo e da moda.
Todos devem participar. Adultos, jovens e crianças.
É uma ocasião para realizar o  'ato concreto' de caridade ou conversão. Momento de procurar mais intimidade com as pessoas necessitadas, doentes e pobres ou com os sacramentos da confissão e da Eucaristia.
Em muitas reuniões dessas meu marido levou o violão e cantamos. Outras vezes celebramos uma missa na casa de alguém  ou na paróquia, na última data marcada. Quando também acenderemos a última vela colorida na Coroa do Advento.











Aí está o meu "Planner do Advento para 2016". Tem a menininha linda de um dos papéis da coleção da Grafons que embrulhou alguma coisa ano passado. As bolinhas coloridas são miçangas de uma pulseira que minha filha fez anos atrás para juntar algum trocado para comprar medicamentos. Lembro das pessoas juntando as moedas para comprar, na porta do Centro Comunitário. Essa sobrou como um resgate da memória e da saudade de meus antigos vizinhos no sul do país...




Alguém aí também está fazendo a Novena de Natal? Se não está, vai procurar sua turma! É muito bom!





















Tenham todos um bom tempo de preparação para as festas, um Feliz Natal e um Ano Novo repleto de alegrias!!

sábado, 21 de novembro de 2015

Quase dezembro já? Aí vem a enxurrada de ofertas. Cuidado!

Credo!
Como passou depressa esse 2015! Quase nem vi.

E começa a correria de fim de ano: lápis de colorir espalhados; separar revistas Shabby Chic  das que vão para lixeira, fazer bkup dos arquivos Free ! Atropelar-se nas tarefas inacabadas, adiar as impossíveis, desistir de outras. E vive-se já em clima do ano que virá com planejamentos; borbulhas de idéias e projetos novos.
 Prometi rever meu espaço cibernético- que quase ninguém mais visita.Eu é que visitei muitos outros blogs e encontrei o mar ao redor de mim repleto de navios de carga. Isso mesmo com produtos!
A banalidade do 'prefira comprar aqui porque eu tive sucesso com essa mercadoria que posso vender a um bom preço' chegou e infestou nossas águas que eram tão tranquilas.
Blogs ou 'ilhas' e também os fóruns e sites independentes de logomarcas, sem interesse em lucrar, estão cada vez mais difíceis de encontrar na costa internética dos criativos de plantão.
Como na época da corrida do ouro, muitos encontraram um filão promissor e abarrotam nossas redes (sociais) com peixes que nunca teríamos sonhado em pescar. E descobrimos que estamos sujeitos ao lixo que a prática de recolher tudo o que possa parecer aceitável e tentador nos impõe.
Ao invés de dedicar-me a escrever e produzir meus trabalhos, corro o risco de perder muito tempo apenas lendo o que não me acrescenta nada e sem chance de postar o que é meu.
E eu sou exigente. Faz parte de minha matriz de personalidade, né?
Vou tentar tornar este blog mais 'leve' - vou 'dar um tempo' pra continuar a ser diferente e não tão comum...
Se você aguentar ser fiel seguidor até a próxima postagem!

A larva fica no casulo para depois voar!
A criatura que voa e migra de um hemisfério a outro pousa no lugar seguro para construir seu ninho.





sexta-feira, 13 de novembro de 2015

Cartão de Aniversário e Modelo grátis em PDF

Um 'Printable' de graça sempre ajuda na correria...

Eu fiz um cartão. E fiz um modelo. Bom. Achei bom.
Serve para o filho, para o marido, para um dos nossos seminaristas... Tem uma moldurinha para a foto com meu papel artesanal, um calendário reciclado (porque ele faz aniversário em outubro) e glitter das Sketch Pens.
Um projeto masculino. Que pedia um texto na parte interna. Fiz em PDF e estou disponibilizando para meus leitores. Se quiserem mandar uma foto do que fizeram com ele, ou simplesmente curtir e comentar, vou ficar muuito feliz!

E como estou sendo desafiada ( estas amigas são tão queridas, não posso ficar  acomodada na cadeira horrorosa, sentada na frente da maquiavélica telinha, com dor na... unha. )  tenho que responder a altura!
Estou inscrevendo o cartão em dois desafios:


Desafio Novembro Azul  ( clique para conferir ) proposto pela Ede no Scrapbook e Tal (podia participar com dois projetos espia o outro aqui ;


 - Desafio #7 - Paleta de Cores  ( clique para conferir ) no blog Nature Body proposto pela Van Paliares a partir de um combo de cores que lembram aqueles doces da nossa infância. Hummm!


 O arquivo Printable (traduzindo em scrapapês nacional: bom para imprimir ) é relativo a essa foto:
Clique aqui para baixar o PDF


E os detalhes nas outras fotos:











 ( -Olha o bigode! Olha as cores!Olha os coraçõezinhos feitos com scraps de papéis lá da minha terrinha...  Ah! Ficou bom.)



quinta-feira, 12 de novembro de 2015

Tic- Tac- Toe / Na quermesse é: BINGO !

Novembro agitado com desafios e papéis

Mudei umas coisas aqui no blog. Ficar 'mais leve' e se preparar para terminar o ano agradecendo todas as maravilhas que Deus fez nesse tempo. 
Para mim esta época sempre é uma alegria: preparar a casa com luzes, separar algumas canções natalinas entre as partituras antigas e quando o Advento se anuncia, preparar o presépio... 



E, é lógico, fazer muitos cartões para as pessoas queridas. Os materiais de desenho e scrap também fazem a gente se sentir mais 'solta' para criar coisas bonitas.








Uma das minhas motivações tem sido os desafios que rolam nos grupos e sites de amigas criativas.
O trabalho que venho mostrar hoje concorre ao desafio 8 - TIC TAC TOE (Bingo) do Mari Digis Challenge Blog - com carimbo da Maria Emília.
Mas também  concorre ao Desafio Novembro Azul do blog Scrapbokk e Tal 
  - com o tema 'bigode' (acesse os blogs  clicando no links coloridos e confira!).
 

























Para o desafio Tic Tac Toe a regra não é completar a cartela, mas escolher uma das colunas onde estão descritos os materiais a serem usados  Escolhi a diagonal botão-flor-fita para decorar um ' kit do garçom '.











Sabe ? aquele voluntário querido que serve as mesas na quermesse, enquanto o bingo beneficente acontece? Pois ele merece todo nosso carinho.








Por isso o kit tem  (veja as fotos da parte de dentro ): o botton com o número ( que eu fiz de papie maché ), a identificação dele, o menu dos salgadinhos ( com o bigode  e o chapéu ).












E ainda: os canhotos de pedidos, o lápis, um pocket para cartelas avulsas ( ou cards em branco até definirem os prêmios que os benfeitores doaram) e outro bolsinho secreto para os trocados.



Que tal ficou? Curte aí. Comente!



sexta-feira, 4 de setembro de 2015

Conjunto: latinhas Shabby Chic para o desafio "Flores e Botões"

 Dúvida cruel na hora da limpeza: remover maquiagem ou tinta dos carimbos?

Meus filhos me apresentam as embalagens que julgam interessantes antes de descartar.
Talvez eu possa reciclar.
Um deles tinha uma latinha que embalava um desodorante. Lembrei-me das latas de talco de meus tempos de menina. Minha mãe guardava em cima do 'toucador' (porque será que chamavam assim ?) 

Comecei a trabalhar revestindo os textos impressos  com pedacinhos de papel de cor neutra . Depois montei duas faixas com o meu querido Senhor Papel Artesanal. Rosa, recém saído da secagem ao sol. Cor de sorvete de morango, de vestidinho de boneca, de bebê cheirando sabonete. Na faixa do centro apliquei o amigo de todas as horas, Papel  Artesanal de Massa Branca. E mais: um guardanapo com padrão de flores, umas tirinhas que sobraram de outro projeto, um pedacinho de renda, a ponta dos dedos sujas com a Dona Tinta Carmim.




Coloquei coisas que não aparecem nesta fotografia:
um pouquinho do perfume de papel que ganhei da amiga Lenice, da Scrapscent e uma flor de pano que trouxe de Porto Ferreira
(eu fiz amizade com a dona da loja mas ela não me disse qual era seu nome...desculpe Moça Florista...)

   







Falta alguma coisa. Ah! Uma latinha de balas serve direitinho como acompanhante.
Esta eu mesma havia esquecido na oficina entre as bagunças da Senhora Guardiã Gaveta Direita .

Repetir o processo: forrei com papel picado antes de fazer a decoupagem da rosa e chamei a Tia Tinta Acrílica! Me empolguei e, ao virar a parte de baixo, me pus a decorar o fundo raspando a ponta do pincel na camada recém pintada. Outra flor. Outra rosa.





Um botão... um botão com brilho. Quem vem para ajudar ? A Madame Caneta Dourada Metalizada e o Eminente Pincel Marcador Vermelho. Doodles e pontilhismo para desenhar um craquelê que não é com cera.



As duas latinhas recicladas formando um conjunto Shabby Chic



Com esse conjunto quero participar do desafio "Flores e Botões"!  que outra web-amiga, a Ana Picolo, lançou neste mês no blog Scrapbook e Tal .


Dentro vou guardar lencinhos umedecidos e discos de algodão.
Servem tanto posso remover o rímel dos olhos no final da noite, como limpar os carimbos de EVA no final da manhã.
Por isso não resolvi ainda:
colocar no banheiro ou na minha mesa no ateliê ?













quarta-feira, 5 de agosto de 2015

Caixa para jogo de cartas

Apresentando: meu papel artesanal na confecção de uma caixa para guardar o baralho de cartas.


Desde que me lembro minha família gosta de se reunir e jogar cartas. Meus pais e meu avô ficavam horas sentados à mesa desafiando os parceiros no que conhecíamos por " Sessenta e Seis ". Uma modalidade bem peculiar e difícil de jogo para nós, crianças, quando aprendi o significado da palavra "trunfo". Cartas com uma função coringa cujo naipe pode mudar totalmente uma estratégia já em andamento na partida.





O papel artesanal que tenho produzido aqui no meu quintal é o meu trunfo escondido na manga. Na correria dos dias é um material confiável, livre de ácido, bonito e barato. Fino o suficiente para evitar camadas grossas em trabalhos delicados mas também em sua versão mais encorpada com relevos interessantes e aspecto rústico.
Foi este o papel que usei participando da proposta de um grupo de amigas do Nature to Body  Clique no link rosa para o desafio n° 5:Home ou Scrap Decor.
E você ? Gostou? Então mão à obra! Invente alguma coisa e participe do desafio você também!


Na minha caixinha de Cartas eu aproveitei páginas de um caderno escolar antigo, da linha Jolie para fazer a colagens dos enfeites com laços, corações e faixas picotadas com tesouras artesanais.


Observe na foto do trabalho os detalhes da superfície deixados pela massa do papel artesanal. Os pedaços que sobram dos cortes feitos na Silhouette também são aproveitados dessa forma. Não é de surpreender que cada página secando ao sol pode conter, além das letrinhas do texto impresso, desenhos decorativos interessantes. O que faz das aulas aqui no ateliê um motivo de diversão e descoberta.



Se você tem interesse em conhecer a técnica que desenvolvi ou encomendar alguma coisa entre em contato comigo para combinarmos horário de aulas e preços dos trabalhos produzidos. 



sábado, 1 de agosto de 2015

Caixa para presentear uma amiga




Mais uma caixa reciclada



Oi! Também estou participando no blog My Besties Brazil do Desafio #6 - Stitching / Costura .
Todas interessados em participar devem usar os carimbos  denominados " Besties", desenhados pela Sherri Baldy . As DTs do blog na versão do Brasil disponibilizam alguns arquivos grátis para que as imagens possam ser impressas e depois coloridas com lápis de cores ou canetas.



Vou presentear uma amiga e decorei a caixa também com costuras, rendas e crochê. 








 




















 Usei também um adesivo com texto. Que tal ? Gostaram ?

sexta-feira, 31 de julho de 2015

Porta Pen Drive

Onde foi parar o meu Pen Drive?

     Já fez essa pergunta algum dia?Quando perdeu uma dessas maravilhosas 'coisinhas',carregadas com arquivos ultra pessoais, que ficam cada vez menores ?
Pois é... cá estou eu inventando de novo!
    

    Problema proposto, inicia a busca da solução:
Com uma caixinha de chicletes, um lindo desenho de uma amiga, lápis de cor e meu papel artesanal fiz uma reciclagem rápida como esse post. Resultado: ficou mais fácil encontrar os Backups! Pois ali guardo os pendrives, os cartões, os chips do celular.
   Sempre à mão, na primeira gaveta!
     
      E com este trabalho estou participando do desafio Brilho + carimbo digital Mari Digis. Espie lá! 
                       

quinta-feira, 23 de julho de 2015

Para guardar meus cartões

Pasta de caixa de papelão reciclada

Oi gurias! Quero mostrar mais uma de minhas idéias usando materiais reciclados, baratos, fáceis de encontrar e que através da magia do artesanato se transformam em algo novo. Desta vez  com a embalagem de uma encomenda de livros que transformei em pasta para guardar cartões.
Faremos 'de conta' que estamos numa aula comigo, no meu ateliê.


1- Escolha a embalagem e limpe-a (retire o selo do frete e as fitas de empacotamento, alise as rebarbas  das bordas do papelão com a querida e sempre pronta para o trabalho pesado Lixa de Pedicure, que é grandona e resistente) . Coloque sobre a superfície de trabalho.



2- A seguir faça uma pátina com a tinta que estiver a mão, nas cores que se apresentarem primeiro. Aqui no meu ateliê o Sr. Guache Verde e a Dona Tinta Acrílica Preta estão sempre ao meu redor querendo participar!







3- imprima o desenho que escolheu e use a turma dos lápis para colorir. Eu escolhi a bonequinha feita pela Maria Emília para participar  4 º desafio Combo de Cores + carimbo digital Mari Digis ( e ganhei! Fiquei tão feliz! Espie lá clicando no link.)





Essa desenhista vende suas produções no formato de arquivos digitais em sua loja on line  e disponibiliza alguns gratuitamente. Com esses 'carimbos digitais'  teremos as chamadas 'carimbadas'. São as cópias impressas de carimbos ou imagens do computador ( distribuídas entre grupos de amigas na internet). Escolhi a bonequinha no balanço e comecei com as cores mais claras. 




4- Com estilete criei espaços vazados para melhor planejar a silhueta contra o fundo da composição. Mais adiante acrescento a árvore onde as cordas estão amarradas. Se quiser se aprimorar na técnica da pintura com lápis de cor use o ensinamento dos mestres: faça várias camadas leves, sem apertar muito pois a mina colorida, diferente da grafite do lápis preto comum, é um material seco, uma espécie de cera. Se quiser aplicar uma cor sobre outra evite obter aquele aspecto de 'brilhante' logo na primeira cor. Ao contrário, deixe pequenos espaços em branco na superfície. Use um traçado de linhas numa mesma direção numa camada e em outra direção na camada seguinte. Um professor argentino disse a algum tempo: "Paciência é o segredo da pintura com lápis de cor. Quem tem pressa usa PVA e trincha!" E eu digo sempre: "Devagar e curtinho..." 


 5- Depois das cores claras (que são toda a família dos Amarelos, o elétrico Verde Primavera, a Pequena Salmão e sua companheira Rosinha, o inquieto Laranja Claro e  o esperto Verde Berilo, que tem o apelido de Verde-água) comece a escurecer usando as mesmas cores, em tons mais escuros. Ou combine tons diferentes e vá modelando as partes do corpo passando de traços retos para traços arredondados. 





6 -Desta etapa em diante observe a direção correta do traçado para otimizar volumes e sombras. Dê especial atenção aos fios e mechas dos cabelos que podem conter todas as cores mencionadas até agora. Como estou desenhando uma loirinha, não usei a paleta de cores escura. Apenas na última camada, após fazer os ajustes de contornos e brilhos com as canetas finas pretas francesas ou asiáticas  e a famosa Maga Branca ( com seus feitiços de destaques nas pupilas e lábios). Então dê início a camada com o Senhor Azul Marinho. Esta cor é responsável pela sombra. Assim como o crepúsculo, sem ela não haverá noite. Pode acreditar. Por isso, seja obediente e escureça tudo... de azul. Só então poderá usar a paleta escura ( com verdes mais escuros como o Musgo, o jovem Grama e outros escalados nos tons de madeira. Use também os laranja-encarnados, os vermelhos, a Senhorita Carmim, a Velha Violeta e o Vovô Roxo. 

O Sargento Cinza Prateado e todo o Pelotão dos Metalizados vão para a próxima camada, pois eles cobrem demais a superfície e servem só para os acabamentos. Em alguns trabalhos pode-se usar apenas o pacífico Lápis Branco que cobrirá tudo numa camada única e lisa. A foto já mostra a cor que comanda o acabamento (note a textura da calça ). Na tela não temos o mesmo efeito que se obtém com o trabalho em mãos. A imagem parece 'saltar' tridimensionalmente do papel. 
 Mas ainda falta polir. Como? Isso mesmo! Pode apertar agora! Como se estivesse lustrando a peça. Use um chumaço de algodão e uma haste flexível nas áreas delicadas. Isto conservará o matiz das cores e dos gradientes.



7-Com a carimbada pronta organize os elementos da colagem sobre a superfície do suporte - no caso a frente da embalagem de papelão. Use fita banana para destacar as camadas em relevo. Acrescente todos os enfeites,  flores de pano,um imã na contracapa o que quiser. 













Pronto: trabalho finalizado.